• Português
  • English

Nem só de olhar fotográfico vive o fotógrafo por Gabi Bucker

22 Mar 2018

E para começarmos a nossa amizade com o pé direito, vamos bater um papo sobre alguns segredinhos (talvez nem tanto), dos fotógrafos e suas exuberantes fotografia.

Sim, nem só de olhar fotográfico, vive um fotógrafo! É claro que é extremamente necessário saber enxergar a fotografia, saber captar a essência do lugar ou do momento, mas alguns outros passos estão envolvidos em uma produção fotográfica. Além do “enxergar a foto” é necessário conhecer algumas técnicas básicas para se obter boas fotos.
As lindas fotos que vemos em nossas redes sociais (e que são muitas rs), em grande maioria, são pensadas e planejadas previamente, de uma forma que entreguem ao espectador uma mensagem específica ou simplesmente a emoção daquele momento registrado.

Porém, para chegar ao resultado final, além do bom olhar fotográfico, as fotos passam por um processo de edição, o grande segredo por trás de uma boa fotografia.

A edição de fotos é um passo essencial após a captura de imagem, pois é na edição que são feitos os retoques, a aplicação de filtros, a remoção de manchas, espinhas ou qualquer objeto indesejado das fotos.

O primeiro passo, é escolher um bom editor de fotos, porém irão existir alguns questionamentos diante da grande variedade aos quais temos acesso hoje:

“Como eu sei que um determinado editor de fotos é bom?”
“Eu preciso pagar para obter um bom editor de fotos?”
“Quais as ferramentas básicas que um editor de fotos deve ter, para ser considerado bom?”

Vou detalhar algumas funções básicas que fazem um editor de fotos valer a pena e merecer o seu download.

1º – Correção de Luz e Cores

Antes

Depois

A correção de luz e cores, é um dos pontos mais importante de um editor de fotos, pois na maioria das vezes, a câmera é incapaz de captar a imagem exatamente da forma que ela é e provoca uma distorção nas cores das fotos. Essa alteração de cores, pode ocorrer pela forma de entrada da luz, se a luz do ambiente é natural ou artificial, o horário do dia, a posição do sol, se é luz incandescente ou fluorescente, entre outros fatores. A parte boa é que com um bom editor de fotos todos esses fatores podem ser parcialmente ou totalmente anulados através das ferramentas de edição: brilho, contraste, nitidez e temperatura.

2º – Retoque natural de fotos

O retoque natural nada mais é que uma suavização da pele e tem como objetivo remover imperfeições, manchas e espinhas. Sabe aquela pele perfeita, sem manchas e imperfeições que costumamos ver em selfies, revistas e fotos? É truque minha gente!
Essa função, nem sempre vem especificado dessa maneira no editor, podem aparecer com as expressões “embelezamento”, “retoque”, “suavização”, “manchas”.

Antes

Depois

3º – Filtros

Confesso que os filtros são os meu queridinhos. É um dos pontos a que mais me apego e que sem dúvidas me fazem escolher o app. Eles são responsáveis pelo efeito final da foto, aquele famoso “tcham”!
Os filtros são bastante úteis para padronizar um estilo de feed, por exemplo, pois eles criam harmonia entre as fotos ainda que tenham sido tiradas em diferentes locais e que diferentes cores predominem.
Além disso, alguns filtros conseguem alterar bases da foto, como a iluminação, as cores e a temperatura.

Antes Ph: @Pamhmello

 

Depois

Dica: O AirBrush tem sido o meu app queridinho do momento, pois além de ser um excelente editor, o AirBrush possui uma câmera direta no app, onde é possível testar os filtros na foto antes mesmo de tirar. Isso facilita e aproxima ao máximo a foto do resultado final. Maaas, isso é papo pra outro post!

(Para baixar o AirBrush, clique aqui)

Até o próximo post!